As dúvidas mais comuns quando se escreve um texto

Um dos grandes desafios de se ter um blog diferenciado é em relação aos textos que se escreve. Um belo design ou divulgação de nada serve se o blog não tiver um bom conteúdo com textos bem elaborados e argumentados e tudo isso é o que acaba deixando muitos blogueiros perdidos ou assustados, a boa notícia é que a habilidade de escrever bem é algo que pode ser aprimorado com o tempo para isso basta prestar atenção a alguns pequenos detalhes que no fim fazem toda a diferença. Por isso vou esclarecer as dúvidas mais comuns que encontrei dando uma passeada na “net”.

Sobre o que devo escrever? 

A tendência das pessoas é buscarem um blog sobre algum assunto que lhes causou curiosidade ou interesse para isso quando chegam a um blog buscam a informação que precisam e se encontram no mesmo algo que lhe chamem a atenção passam a acompanhá-lo diariamente para isso deve se dominar muito bem aquilo que se fala e sempre lembrar que muitas vezes as pessoas que lêem seus textos são pessoas que também entendem do assunto por isso se você tem um blog sobre tecnologia não pode chega lá simplesmente escrevendo sobre música, se seus leitores estão no seu blog pelo conteúdo de moda não vai chegar lá e escrever sobre literatura. Escreva sobre aquilo de que você gosta e entende é preciso ter muita segurança para escrever sobre diversos assuntos e se você não a tem não force a si mesmo só escreva quando estiver seguro de que é aquilo que você quer passar aos seus leitores.

Posso falar de um tema diferente daquele que escrevo diariamente?

Não são os leitores que se adéquam a você, é você quem tem de atender as necessidades deles. Se por acaso você quer introduzir um novo assunto no seu blog faça isso gradativamente, pois você não pode se preocupar com parte de seus leitores e se esquecer da outra, vale até fazer votação para ver o que as pessoas acham disso, mas, lembrando sempre escreva sobre aquilo que você conhece. Escrever sobre um tema diferente não é um tabu, mas também não é simples. Você não deve escrever sobre turismo se você não gosta de turismo, não escreva apenas para manter seus leitores escreva também porque gosta daquilo procure um meio-termo entre aquilo de que você gosta e aquilo que as pessoas querem ler.

Que linguagem utilizar e como fugir dos erros gramaticais?

Agora chegamos à parte mais complicada a linguagem utilizada e a gramática. Se tiver uma coisa que gera falta de confiança logo de primeira sem dúvida são os erros de português imagine você mesmo a situação: Você chega a um blog encontra erros de concordância, erros gramaticais ou o nome daquela música que você adora escrito de maneira incorreta e então você confiaria no conteúdo daquele blog? Você o seguiria? Acho que não. No entanto na correria do dia-a-dia é mais do que comum certo deslize na gramática para evitá-los vale-se usar corretores e ler o texto mais de uma vez antes de publicá-lo. Quanto à linguagem use aquela que você ache mais adequada aquilo que se escreve, se for necessário utilizar algum termo desconhecido procure fazer uma explicação breve caso ache necessário, use sempre o bom senso a seu favor.
 Essa foi apenas uma explicação breve sobre algumas dúvidas mais comuns, mas, que espero ter sido de grande ajuda.É claro que devem haver mais dúvidas, então se alguma das suas ficou de fora é só comentar aqui no CB assim futuramente poderei tentar responde-las em outra postagem.

Photo Credit: insane_capture via photopin cc

Receba nossos posts por feed ou email

Posts Relacionados

6 Comentários

  1. Olá, Natália!

    Muito útil e importante seu artigo! As 3 dicas são bastante interessantes, mas eu gostei especialmente da última.

    Infelizmente, há uma infinidade de blogs que não aplicam o devido cuidado ao português correto em seus artigos. Isso realmente irrita o leitor e afasta os visitantes. Trata-se de uma questão cultural: as pessoas leem a cada dia menos conteúdo de qualidade e acabam replicando essa baixa qualidade aos seus blogs.

    O pior é que isso tem um efeito multiplicador: a tendência é que tenhamos cada vez menos qualidade ortográfica e gramatical nos blogs. O pior é as pessoas acharem bobagem essa preocupação.

    Um abraço e parabéns pelo texto!

    Adelson Smania

  2. me desculpe mas esse comentário é só para informar que vocês repitiram "aquilo" duas vezes: "Quanto à linguagem use aquela que você ache mais adequada a aquia aquilo que se escreve"…

  3. Na minha opinião o blogueiro deve utilizar uma linguagem informal que é uma "intermediária" em relação a falar "errado" ou falar "certo".

  4. É Adelson o que você falou é verdade as pessoas se preocupam cada vez menos com a ortografia. Existe uma grande diferença entre cometer erros de português e não se preocupar em comete-los ou não. Eu erro muito mas, não por que não sei escrever mas, por que escrevo e leio muito rápido então nem os percebo e aí fico um dia inteiro pensando em um só "errinho" mas, tem aqueles que não se importam se esta certo ou errado, para eles tanto faz, sabem que erram e não tentam fazer nada para mudar isso e é nesses que está o problema.

Faça um comentário